Ondas: belas imagens para estudar Artes Visuais

Por Andressa Alves

Publicado em 12/02/2015

No último mês de janeiro, o paulista Gabriel Medina foi destaque na mídia nacional e internacional ao conquistar o campeonato mundial de surf no Havaí, feito realizado pela primeira vez por um brasileiro. Muita gente acompanhou as eliminatórias e a final, onde Medina mostrou-se imbatível ao domar as super-ondas havaianas (saiba mais sobre a conquista de Medina clicando aqui). 

Devido a essa febre do surf, imagens impressionantes de ondas têm sido veiculadas na rede. Muitas delas são de autoria do fotógrafo havaiano Clark Little, como as que vemos aqui.

As ondas são movimentos das águas marinhas causados pela ação dos ventos na superfície dos oceanos. Seu tamanho resulta da combinação de fatores como a constância e a força dos ventos que as produzem. Seu comportamento também tem relação com a forma do relevo litorâneo.

Os vagalhões, como também são chamadas as grandes ondas, exercem fascínio sobre as pessoas. Fotos de ondas como essas podem ser utilizadas como um rico recurso didático em algumas disciplinas escolares

Sugerimos aqui um roteiro didático que pode ser aplicado às aulas de Artes Visuais, abrindo a possibilidade, inclusive, de um trabalho integrado com Geografia e Ciências. Veja:

 

Artes Visuais

Objetivos: Conhecer o trabalho de diferentes fotógrafos e ressaltar técnicas básicas utilizadas no trabalho com fotografias.

Conteúdo: Fotografia

Segmento: 8º e 9º anos e Ensino Médio (cerca de 3 aulas)

Material necessário: TV/DVD ou pendrive com fotografias

Desenvolvimento:

1. Amplie o repertório dos alunos levando-os a conhecer fotógrafos especializados em fotos de natureza, como o próprio Clark Little (autor das imagens das ondas que vimos), e Araquém Alcântara. Pesquise ou sugira uma pesquisa aos alunos. Mostre as imagens resultantes da pesquisa a todos eles.

2. A partir da observação das imagens, converse com os alunos sobre o trabalho desses profissionais, as dificuldades de se fazer as imagens, os momentos mostrados, o tipo de equipamento necessário, entre outras questões que acharem interessante. Pode-se utilizar também o depoimento do fotógrafo das ondas que vimos:

A paixão de Clark Little são as ondas. Ele as cavalga há 35 anos e, desde 2007, capta sua magia e força indomável com a câmera fotográfica. "Minhas fotos de ondas devem mostrar o que apenas os surfistas enxergam", explica ele. "O profundo abismo desses monstros maravilhosos e as monumentais massas d'água que se erguem sobre o surfista".

Fred Langer. No interior da onda. In: Revista Geo, n.16. São Paulo: Escala, Agosto/2010.

3. Ressalte as definições de: fotografia analógica e digital, composição, enquadramento e luz (fundamental nas fotos de natureza, uso do flash, etc.). Dependendo do interesse da turma, trabalhe com os alunos o uso do obturador e do diafragma.

4. Sugira um trabalho de fotografia de natureza para os alunos (de preferência em grupos). Indique a criação de artifícios como filtros coloridos (usando plástico transparente colorido sobre a lente da máquina) e oriente a escolha dos lugares a serem fotografados.

5. Avalie o trabalho dos alunos por meio das fotografias, observando a compreensão dos conteúdos trabalhados, a composição das fotos, a criatividade e o empenho de cada grupo. Se possível, organize com os alunos uma exposição das imagens para toda a escola.

Bom trabalho!

Voltar